sexta-feira, 25 de junho de 2010

Jogo 45 – Portugal 0x0 Brasil

por-bra3

Logo WC10

Com algumas mudanças e já classificado, o Brasil foi a campo precisando apenas de um empate para garantir o primeiro lugar. Kaká suspenso deu lugar a Julio Baptista, Daniel Alves entrou na vaga do machucado Elano e Nilmar foi a campo no lugar do poupado Robinho. Com essas alterações, o time brasileiro até mantinha uma maior posse de bola, mas não aproveitava isso para criar chances de gol. Ficava claro a falta que os titulares faziam, o time não mostrava a técnica do jogo anterior e  faltava o imprevisivel, o Brasil se mostrou um time que privilegia a força física ao talento.

Julio Baptista deixou claro que não é o substituto ideal para Kaká, foi um jogador inerte, inútil dentro do jogo. Daniel Alves, escalado desde o ínicio no meio campo, não se encontrou na partida, esteve perdido, não deu a Maicon o apoio necessário que é dado por Elano e acabou errando muito. Nilmar mostrou um pouco mais, buscou o jogo e criou dois bons lances, um onde tocou pra Luis Fabiano que finalizou pra fora da entrada da área e em outra onde finalizou cara a cara com o goleiro Eduardo, que fez brilhante defesa antes da bola ainda tocar na trave.

por-bra6

Outra coisa que marcou a primeira etapa da partida foi a tensão, a virilidade e até a violência. Luis Fabiano por momentos voltou a ser o atacante da época de São Paulo, onde batia muito. Felipe Melo e Pepe travaram uma briga a parte. Até que Dunga sacou o camisa 5 por medo de uma expulsão, que já poderia ter acontecido. Outro que poderia ter sido expulso foi Juan, que cortou um lançamento feito para Cristiano Ronaldo com a mão e recebeu apenas um cartão amarelo.

No segundo tempo, a seleção portuguesa voltou infinitamente melhor, agredindo o time brasileiro em busca do gol e criou sua grande chance do jogo aos 13 minutos, em contra ataque puxado por Cristiano Ronaldo, que passou por Juan e disputou o lance com Lúcio que cortou para dentro da área, Raul Meireles cara a cara com Julio Cesar bateu pra fora. A partir daí, alguns raros lances lusos, mas sem grande perigo ao arqueiro brasileiro. Após os trinta minutos, o jogo esfriou de vez, ficou muito concentrado no meio campo e as chances de gol sumiram de vez, apenas aos 46 minutos de partida, Ramires chutou de fora da área, a bola desviou em Bruno Alves e obrigou o goleiro Eduardo a fazer outra bela defesa.

por-bra4

O empate, acabou sendo bom para as duas equipes, que se classificaram com o resultado. Mas foi sem dúvidas, péssimo para o espectador, que esperava muito mais desse jogo, talvez o mais aguardado dessa primeira fase.

FICHA TÉCNICA
PORTUGAL 0 X 0 BRASIL

Estádio: Moses Mabhida, em Durban (AFS).
Data-Hora: 25/6/2010 - 11h (de Brasília).
Árbitro: Benito Archundia (MEX)
Auxiliares: Hector Vergara (CAN) e Marvin Torrentera (MEX)
Público: 62.712 presentes
Cartões amarelos: Duda, Tiago, Pepe e Fabio Coentrão (POR); Luis Fabiano, Juan e Felipe Melo (BRA)
Cartões vermelhos: -

PORTUGAL: Eduardo, Ricardo Costa, Bruno Alves, Ricardo Carvalho e Fabio Coentrão; Pepe (Pedro Mendes 18'/2ºT), Duda (Simão 8'/2ºT), Raul Meireles (Miguel Veloso 38'/2ºT) e Tiago; Cristiano Ronaldo e Danny - Técnico: Carlos Queiroz.

BRASIL: Julio Cesar, Maicon, Lúcio, Juan e Michel Bastos; Gilberto Silva, Felipe Melo (Josué 44'/1ºT), Daniel Alves e Julio Baptista (Ramires 37'/2ºT); Nilmar e Luis Fabiano (Grafite 39'/2ºT) - Técnico: Dunga.

por-bra2

2 comentários:

  1. CR7 melhor em campo!! kkk Piada!!!

    ResponderExcluir
  2. Coisas da FIFA, coisas da FIFA. A eleição é feita por internet, é aberta pra quem quiser votar, com isso, ele que é mais carismático, ganha sempre. Mas pra mim o melhor foi o Lúcio disparado. Valeu.

    ResponderExcluir